De repente eu vejo… O que ninguém mais vê…

A luz que brilha lá fora…, O grito que cala aqui dentro;

O sopro de vida a vibrar e um resto de sonho acabar…!

De repente eu vejo, sinto, ouço, encontro, luto, corro, amo, minto, fujo, calo, falo, sonho, percebo… tantas coisas da vida da gente, do mundo inteirinho a processar dentro de mim,  e que já não é só do mundo, é meu, e de tão meu, nunca foi desse mundo aí de fora…

De repente eu vejo… e sinto… e me engano em pensar que o mundo caberia todinho em palavras escritas em um blog!

E o que eu percebo é que esse mundo, sendo meu ou não tão meu, mal cabe dentro de mim…

Adriana Nunes
mundo eu

Imagem: Pinterest
Anúncios