Numa conversa sobre tanajuras, sobre que gosto ela terá, entre manteigas e opiniões, seu sabor eu logo tratei de contar:

Tem gosto da gente criança, se juntando numa farra danada com um monte de outras crianças; mais a sua mãe, os seus vizinhos, a sua rua todinha… Com sacos amarrados nas pernas, e bacias cheias de água, em torno de alguma barreira, à procura das tanajuras!

Tem gosto de voltar pra casa, com sorriso no rosto.

Cheirinho de café no fogo, e um outro cheirinho bem singular, da tanajura frita na manteiga e envolvida com farinha!

Tem gosto de crocância, de um final de tarde diferente! E, para quem gosta de tanajura, certamente ao pensar sobre seu gosto, logo se lembrará dessas coisas que a gente conhece na infância…!

Adriana Nunes

tanajura-rebeca

tanajura-este

Imagens: https://mangiachetefabene.wordpress.com; + arquivo pessoal da minha amiga Rebeca

Anúncios